img

GERAL

Procurador do MPF/SC relata experiência do Grupo Pró-Babitonga em evento nacional sobre unidades de conservação

Publicado em 03/08/2018

Divulgação / Assessoria de Imprensa
Procurador do MPF/SC relata experiência do Grupo Pró-Babitonga em evento nacional sobre unidades de conservação

Tiago Gutierrez defende o diálogo como principal instrumento para o trabalho de integração



Siga o Portal da Ilha Digital no Google News


O procurador da República Tiago Gutierrez, do Ministério Público Federal em Joinville, participou nesta quarta-feira (1º) da mesa redonda "Desafios e soluções para a conservação da zona costeira e marinha brasileira", no IX Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação (CBUC), em Florianópolis, relatando sua experiência como representante do MPF no Grupo Pró-Babitonga, na região da Baía da Babitonga, no Litoral Norte de Santa Catarina, que trabalha questões como poluição marinha, gestão de pesca e licenciamento, desenvolvendo parcerias, implementação e fortalecimento de unidades de conservação.

Aos participantes do CBUC, Tiago Gutierrez defendeu o diálogo como principal instrumento para o trabalho de integração necessário para o desenvolvimento de um projeto, como foi a criação do Grupo Pró-Babitonga (GPB). Esse Grupo, lembrou o procurador, surgiu a partir de uma ação judicial que disponibilizou recursos, aplicados em um projeto da Univille que previa esse trabalho de discussão e debate envolvendo todas as comunidades da região. "O diálogo é o caminho para a integração. E isso acontece com a discussão, com o burburinho, que faz a coisa andar. Aí, botando todo mundo pra conversar, todos os grupos interessados, as pessoas entendem que esse instrumento de gestão funciona bem", disse.

Com o apoio do MPF em Santa Catarina, o GPB tem a missão de contribuir para a gestão participativa e integrada do Ecossistema Babitonga, buscando conciliar o desenvolvimento econômico com a conservação ambiental. O Grupo é um colegiado que tem representantes dos segmentos socioambiental, socioeconômico e público dos municípios do entorno da Baía da Babitonga (Araquari, Balneário Barra do Sul, Garuva, Itapoá, Joinville e São Francisco do Sul) e dos governos estadual e federal.

A mesa redonda "Desafios e soluções para a conservação da zona costeira e marinha brasileira", no IX CBUC, foi coordenada por Alexander Turra (professor da USP) e teve também a participação de Ana Paula Prates (Ministério do Meio Ambiente), Guilherme Dutra (Conservation International), Maurizélia Brito (gestora Atol das Rocas), Cristina Azevedo (Secretaria do Meio Ambiente - SP), Regis Pinto Lima (Ministério do Meio Ambiente, Cgerco), Sergio Floeter (Universidade Federal de Santa Catarina) e Andrei Polejack (Ministério da Ciência, Tecnologia e Informação).


Siga o Portal da Ilha Digital no Instagram, Facebook, Twitter e Youtube







Setor aéreo prevê alta de 12% na oferta de voos no mês de junho

18/06 | Turismo
Em maio, as companhias apresentaram resultados satisfatórios frente à queda nos três meses anteriores

Avaí finaliza preparação para confronto com o Remo

18/06 | Esportes
A partida será no Estádio da Ressacada, às 16h30, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.


Secretaria da Administração promove Drive Thru para arrecadar cobertores em Florianópolis

18/06 | Geral
Serão recolhidos cobertores limpos e em bom estado para serem encaminhados à Rede Laço, coordenada pela primeira-dama Késia Martins. Os cobertores arrecadados serão destinados às assistências sociais dos municípios, privilegiando as cidades mais frias e com maiores índices de vulnerabilidade social.

Receita gerada com exportação dos Cafés do Brasil atinge US$ 357,6 milhões em maio de 2021

18/06 | Economia
Volume físico exportado foi de 2,6 milhões de sacas de 60kg, o que representa uma queda de 20,3% em relação a maio de 2020

Ministério da Defesa apresenta oportunidades para a indústria catarinense

18/06 | Geral
Encontro, promovido pelo Comdefesa, aconteceu em Joinville, nesta quarta-feira (16)