img

TURISMO

Brasil assina Convenção Internacional do Trabalho Marítimo

Publicado em 15/04/2021

Foto: Danilo Borges/MTur
Brasil assina Convenção Internacional do Trabalho Marítimo

Convenção do Trabalho Marítimo começa a valer no Brasil no dia 7 de maio


A entrada do Brasil na convenção aumenta a segurança jurídica de todos que estão envolvidos no trabalho marítimo e representa a solução de um gargalo apontado como um dos entraves para o crescimento do setor de cruzeiros no País.



Siga o Portal da Ilha Digital no Google News


O Brasil acaba de entrar para a lista de países signatários da Convenção do Trabalho Marítimo, da Organização Internacional do Trabalho (OIT), aprovada na 94ª Conferência Internacional do Trabalho, em 2006.

O documento estabelece direitos e condições de trabalho em diversas áreas do setor, além de consolidar normas e recomendações atualizadas relativas ao trabalho a bordo.

A adesão foi aprovada pelo Congresso Nacional em 2019 e contou agora com a promulgação pelo Presidente da República, Jair Bolsonaro, por meio do Decreto nº 10.671, de 9 de abril de 2021.

As medidas previstas passam a valer no país no próximo dia 07 de maio.  A Convenção abrange definições relacionadas à segurança, saúde, idade mínima, recrutamento, jornada de trabalho e repouso, condições de alojamento, alimentação, instalações de lazer, bem-estar e proteção social, entre outros.

“Essa é uma conquista histórica para o turismo nacional e representa um novo capítulo para o desenvolvimento do setor de cruzeiros aqui no nosso país. Não tenho dúvida de que será um setor que contribuirá significativamente para que tenhamos a maior retomada já vista. E mostra mais uma vez o apoio do presidente Bolsonaro a nossa atividade”, defendeu o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto.

O texto consolida e atualiza 68 convenções e recomendações para o setor marítimo adotadas ao longo dos 90 anos de existência da Organização Internacional do Trabalho (OIT).

De acordo com os estudos anuais da Cruise Lines International Association – Clia Brasil, realizados pela Fundação Getúlio Vargas, a ausência do Brasil na Convenção de 2006 gerava insegurança jurídica na regulação dos direitos e deveres dos trabalhadores marítimos brasileiros e representava um entrave para o setor.

 

*Com informações do Ministério do Turismo


Siga o Portal da Ilha Digital no Instagram, Facebook, Twitter e Youtube







Governador Carlos Moisés de volta ao cargo afirma que a Justiça restabeleceu a verdade

07/05 | Geral
O governador Carlos Moisés afirmou que a decisão do Tribunal Misto de Impeachment, proclamada nesta sexta-feira, 7, restabeleceu a verdade e reparou um erro, já que não havia justa causa legal.

Governador Carlos Moisés é absolvido no caso dos respiradores e retornará ao comando do Estado

07/05 | Politica
Por 6 votos a 4, o governador Carlos Moisés da Silva (PSL) foi absolvido da acusação de crime de responsabilidade na compra dos 200 respiradores não entregues pela empresa Veigamed. A

Mega-Sena acumulada; próximo sorteio deve pagar R$ 20 milhões

07/05 | Brasil
Próximo sorteio será amanhã (8)

Confira a previsão do tempo para o final de semana em Santa Catarina

07/05 | Geral
O mar segue agitado, com ondas de sul em todo litoral. A altura varia de 2,5 m a 3,0 m (com picos chegando aos 3,5 m) no Litoral Sul, Grd. Florianópolis, de 2,0 m a 2,5 m nas demais áreas litorâneas. Há chance de ressaca no Litoral Sul.

Morreu nesta quinta-feira Aleksandar Mandic, um dos pioneiros da internet brasileira, aos 66 anos

07/05 | Tecnologia
Considerado uma referência da internet brasileira, Aleksandar Mandi morreu nesta quinta-feira 06/05.

ABIH-SC transfere para 2022 a Encatho e Exprotel

06/05 | Turismo
Decisão foi tomada com base em pesquisas realizadas com hoteleiros e fornecedores