img

CIDADES

Pinguins são soltos em praia de Florianópolis após passarem por reabilitação

Publicado em 16/09/2021

Fotos: NILSON COELHO/R3 ANIMAL
Pinguins são soltos em praia de Florianópolis após passarem por reabilitação

Os 13 pinguins foram soltos na Praia do Moçambique, em Florianópolis.


As aves foram reabilitadas no Centro de Pesquisa, Reabilitação e Despetrolização de Animais Marinhos (CePRAM/R3 Animal), no Parque Estadual do Rio Vermelho, em Florianópolis.



Siga o Portal da Ilha Digital no Google News


O Projeto de Monitoramento de Praias Bacia de Santos (PMP-BS), executado pela R3 Animal, realizou nesta quinta, 16, a soltura de 13 pinguins na Praia do Moçambique, em Florianópolis. Os animais, da espécie pinguim-de-magalhães (Spheniscus magellanicus), passaram por tratamento veterinário e, agora, após a estabilização do quadro clínico, retornaram ao habitat natural. 

Deste grupo, seis pinguins foram resgatados nas praias da Ilha de Santa Catarina. O restante foi resgatado em outras regiões abrangidas pelo PMP-BS.

Este ano, de janeiro a agosto, foram encontrados 3.393 pinguins no litoral brasileiro. Santa Catarina é o estado com maior incidência, com 2.421 pinguins encontrados; seguida de São Paulo, com 559 animais.

Em Florianópolis, de acordo com os dados do PMP-BS, até o dia 10 de setembro, 1.325 pinguins foram registrados e apenas 164 estavam vivos no momento do resgate. Agosto foi o mês com a maioria das ocorrências, 1.023 pinguins.

Em 2020, a Ilha teve um total de 800 pinguins registrados, em 2019, foram 747 encontrados pelos monitores e, em 2018, foram resgatados 1.814 pinguins, sendo 113 vivos. 

Os animais muitas vezes são resgatados debilitados, machucados e exaustos, o que demanda um tratamento mais longo. No início do tratamento são hidratados, recebem papa de peixe até que voltem a se alimentar com peixe inteiro, treinem o nado e impermeabilizem as penas.  

A veterinária Cristiane Kolesnikovas, coordenadora do PMP-BS/Florianópolis e presidenta da R3 Animal, explica que a maior parte dos pinguins que encalham são juvenis, no primeiro ciclo migratório, e chegam bastante debilitados. “Os animais chegam muito magros, desidratados, hipotérmicos e parasitados. Por isso a reabilitação é tão difícil e demorada”.

As equipes dos Projetos de Monitoramentos de Praias atuam diariamente no monitoramento das praias com foco no resgate de animais marinhos vivos debilitados e registro e análise de carcaças de animais mortos. A sociedade também pode participar, acionando as equipes ao avistar um animal marinho vivo ou morto, pelo telefone:

PMP Área SC/PR e Área SP – 0800 642-3341, das 7h às 17

 

 



Pinguins são soltos em praia de Florianópolis após passarem por reabilitação

Comuns nas Ilhas Malvinas, Argentina e Chile, estes animais realizam anualmente movimentos migratórios sazonais para o Brasil entre os meses de junho e novembro. Os pesquisadores do PMP-BS observam este comportamento migratório para tentar entender a variação entre um ano e outro.



Pinguins são soltos em praia de Florianópolis após passarem por reabilitação






Movimento OAB com sua cara é lançado em Florianópolis

27/09 | Politica
Grupo defende a renovação dos quadros e uma Ordem com maior participação de jovens e mulheres

Dia das Crianças é oportunidade para todos os negócios aumentarem suas vendas. Veja as dicas

27/09 | Economia
Especialista diz que mesmo aqueles negócios que não estão diretamente ligados à data, podem se beneficiar com estratégias de venda e fidelização de clientes.

Mais de uma tonelada de maconha é apreendida em picape roubada em Santa Catarina

27/09 | Policia
A carga está avaliada em cerca de R$ 2,5 milhões.

Pedidos de novos passaportes crescem 35% no posto da Polícia Federal do Itajaí Shopping

27/09 | Variedades
A retomada econômica impulsionada pelo avanço da vacinação em massa no Brasil gerou um crescimento na procura por emissão e renovação de passaportes em Itajaí e região. No primeiro semestre de 2021, o Posto de Emissão de Passaportes da Polícia Federal localizado no Itajaí Shopping registrou um salto de 35% nas solicitações em relação ao segundo semestre de 2020.

Suspeito de integrar organização criminosa é preso em Joinville

27/09 | Policia
A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Joinville, prendeu, na tarde de sexta-feira (24), um homem de 37 anos, suspeito de ameaçar de morte e coagir uma testemunha de processo judicial e integrar uma organização criminosa que atua na região.

Dia Nacional da Doação de Órgãos é celebrado nesta segunda-feira (27)

27/09 | Saude
27 de Setembro: Dia Nacional da Doação de Órgãos

Prêmio da Mega-Sena acumula em R$ 10 milhões

27/09 | Economia
Próximo sorteio será nesta terça-feira (28)

Confira a previsão do tempo em Santa Catarina nesta segunda-feira (27)

27/09 | Geral
Segunda-feira (27) com ventos de nordeste/norte com fraca a moderada intensidade. Rajadas de ventos ocasionais (em torno de 50 km/h) no Litoral Sul; Ondas com direção leste a nordeste em todo litoral. Altura de 1,0 m a 1,5 m no Litoral Sul, Grande Florianópolis e até 1,0 m nas demais áreas litorâneas.

Confira o cronograma de vacinação contra a covid-19 desta segunda-feira (27) em Florianópolis

27/09 | Saude
A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Saúde, informa que nesta segunda-feira, 27 de setembro, aplica segundas doses e doses de reforço nos pontos de vacinação contra Covid-19 na Capital.

Avaí vence CRB por 2 x 1 em Maceió e gruda no G-4 da Série B

27/09 | Esportes
O Avaí deu passo importante para voltar ao G-4 ao derrotar o CRB por 2 x 1 no Estádio Rei Pelé, na tarde deste sábado (25), em Maceió.

Figueira vence o Criciúma no Scarpelli pela Série C do Campeonato Brasileiro

27/09 | Esportes
O Figueirense venceu o Criciúma por 2×1, neste sábado (25), em duelo válido pela 18ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro.

Risco de covid-19 grave é até 6 vezes maior em pacientes com Alzheimer

27/09 | Brasil
Pesquisadores brasileiros identificaram que o Alzheimer é um fator de risco para quem contrai a covid-19, independentemente da idade. O estudo foi publicado na revista Alzheimer?s & Dementia, periódico da associação que pesquisa a doença e que tem sede em Chicago (EUA). Foram usados dados do sistema de saúde britânico, reunindo informações de 12.863 pessoas maiores de 65 anos.