img

GERAL

Doença "urina preta" pode estar relacionada a consumo de frutos do mar

Publicado em 15/09/2021

Foto: José Cruz
Doença "urina preta" pode estar relacionada a consumo de frutos do mar

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), alerta para o consumo dos produtos sem o selo de inspeção.



Siga o Portal da Ilha Digital no Google News


O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou uma nota na qual alerta sobre uma possível relação entre os casos de doença de Half, conhecida como "urina preta", observados este ano no Brasil, e o consumo de peixes, mariscos e crustáceos sem o selo dos órgãos de inspeção oficiais.

De acordo com a pasta, todos os casos notificados e em investigação estão sendo acompanhados por epidemiologistas do Ministério da Saúde, em cooperação com os Laboratórios Federais de Defesa Agropecuária (LFDA) e o Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC).

A doença de Haff apresenta como sintomas rigidez muscular frequentemente associada ao aparecimento de urina escura, que resulta de insuficiência renal. Ela se constitui em um tipo de rabdomiólise, nome dado para designar uma síndrome que gera a destruição de fibras musculares esqueléticas e libera elementos de dentro das fibras - como eletrólitos, mioglobinas e proteínas - no sangue.

A nota do Mapa informa que os primeiros sinais e sintomas podem se manifestar nas 24 horas após o consumo de peixe cozido, lagostim e outros frutos do mar contaminados. “A enfermidade é considerada emergente e, por ter origem desconhecida, enquadra-se como evento de saúde pública (ESP), sendo considerada de notificação compulsória”, diz a nota.

Ainda segundo o ministério, os primeiros casos de doença de Half registrados no Brasil foram em 2008, com origem em espécies de água doce como o Pacu (Mylossoma spp), tambaqui (Colossoma macropomum) e pirapitinga (Piaractus brachypomus), bem como em peixes de água salgada, como a arabaiana/olho-de-boi (Seriola spp.) e badejo (Mycteroperca spp).

Também fora registrados casos em 2016, e, agora, em 2021. Diante da situação, o Mapa está orientando a população a ficar atenta na hora de comprar pescados, de forma geral.

“Peixes, mariscos e crustáceos comercializados devem conter o selo dos órgãos de inspeção oficiais”, alerta o ministério, ao informar que produtos identificados pelo carimbo de inspeção na rotulagem possibilitam a rastreabilidade de sua origem, o que os torna seguros.

A dificuldade para a identificação do material contaminado está no fato de que a toxina causadora não tem gosto nem cheiro específicos, o que torna mais complexa a sua percepção.

Nos relatos registrados ao longo dos anos, pessoas acometidas da doença ingeriram diferentes tipos de peixe, como salmão, pacu-manteiga, pirapitinga, tambaqui, e de diversas famílias como Cambaridae e Parastacidae.

“Pesquisas sobre os possíveis agentes causadores estão sendo realizadas pelo LFDA e o IFSC, a partir das amostras coletadas dos alimentos consumidos, bem como de material biológico dos próprios pacientes acometidos. Por ter sido registrada em diversos biomas (rios, lagos, mares etc.) e espécies, não é possível, até o momento, determinar, com base nos casos analisados, os ambientes e animais envolvidos”, informa a nota.

De acordo com o Mapa, foram feitas pesquisas de amostras na busca por “moléculas suspeitas”, especialmente de grupos onde é mais provável encontrar toxinas causadoras da doença de Haff. No caso, “moléculas análogas que podem ser produzidas por microalgas tóxicas”.



Com informações de EBC/AGENCIA BRASIL




Movimento OAB com sua cara é lançado em Florianópolis

27/09 | Politica
Grupo defende a renovação dos quadros e uma Ordem com maior participação de jovens e mulheres

Dia das Crianças é oportunidade para todos os negócios aumentarem suas vendas. Veja as dicas

27/09 | Economia
Especialista diz que mesmo aqueles negócios que não estão diretamente ligados à data, podem se beneficiar com estratégias de venda e fidelização de clientes.

Mais de uma tonelada de maconha é apreendida em picape roubada em Santa Catarina

27/09 | Policia
A carga está avaliada em cerca de R$ 2,5 milhões.

Pedidos de novos passaportes crescem 35% no posto da Polícia Federal do Itajaí Shopping

27/09 | Variedades
A retomada econômica impulsionada pelo avanço da vacinação em massa no Brasil gerou um crescimento na procura por emissão e renovação de passaportes em Itajaí e região. No primeiro semestre de 2021, o Posto de Emissão de Passaportes da Polícia Federal localizado no Itajaí Shopping registrou um salto de 35% nas solicitações em relação ao segundo semestre de 2020.

Suspeito de integrar organização criminosa é preso em Joinville

27/09 | Policia
A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio da Divisão de Investigação Criminal de Joinville, prendeu, na tarde de sexta-feira (24), um homem de 37 anos, suspeito de ameaçar de morte e coagir uma testemunha de processo judicial e integrar uma organização criminosa que atua na região.

Dia Nacional da Doação de Órgãos é celebrado nesta segunda-feira (27)

27/09 | Saude
27 de Setembro: Dia Nacional da Doação de Órgãos

Prêmio da Mega-Sena acumula em R$ 10 milhões

27/09 | Economia
Próximo sorteio será nesta terça-feira (28)

Confira a previsão do tempo em Santa Catarina nesta segunda-feira (27)

27/09 | Geral
Segunda-feira (27) com ventos de nordeste/norte com fraca a moderada intensidade. Rajadas de ventos ocasionais (em torno de 50 km/h) no Litoral Sul; Ondas com direção leste a nordeste em todo litoral. Altura de 1,0 m a 1,5 m no Litoral Sul, Grande Florianópolis e até 1,0 m nas demais áreas litorâneas.

Confira o cronograma de vacinação contra a covid-19 desta segunda-feira (27) em Florianópolis

27/09 | Saude
A Prefeitura de Florianópolis, por meio da Secretaria de Saúde, informa que nesta segunda-feira, 27 de setembro, aplica segundas doses e doses de reforço nos pontos de vacinação contra Covid-19 na Capital.

Avaí vence CRB por 2 x 1 em Maceió e gruda no G-4 da Série B

27/09 | Esportes
O Avaí deu passo importante para voltar ao G-4 ao derrotar o CRB por 2 x 1 no Estádio Rei Pelé, na tarde deste sábado (25), em Maceió.

Figueira vence o Criciúma no Scarpelli pela Série C do Campeonato Brasileiro

27/09 | Esportes
O Figueirense venceu o Criciúma por 2×1, neste sábado (25), em duelo válido pela 18ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro.

Risco de covid-19 grave é até 6 vezes maior em pacientes com Alzheimer

27/09 | Brasil
Pesquisadores brasileiros identificaram que o Alzheimer é um fator de risco para quem contrai a covid-19, independentemente da idade. O estudo foi publicado na revista Alzheimer?s & Dementia, periódico da associação que pesquisa a doença e que tem sede em Chicago (EUA). Foram usados dados do sistema de saúde britânico, reunindo informações de 12.863 pessoas maiores de 65 anos.